• Página Principal
  • Notícias
  • Mulher
  • MAIS FORÇA E MENOS BARRIGA: DESCUBRA O EXERCÍCIO QUE DEIXA A BARRIGA SEQUINHA PÓS-GESTAÇÃO

MAIS FORÇA E MENOS BARRIGA: DESCUBRA O EXERCÍCIO QUE DEIXA A BARRIGA SEQUINHA PÓS-GESTAÇÃO

No período pós-parto o maior sonho das mulheres é voltar ao corpo que tinham antes de engravidar, por isso a procura pela prática de exercícios cresce a cada dia que passa. Mas, engana-se quem acha que no pós-parto pode voltar no mesmo ritmo de antes, pois os exercícios neste período requerem tanto cuidado quanto no período de gestação. O tempo para o retorno à prática de exercícios dependerá do parto (se foi normal ou cesárea) e do médico, mas geralmente após 15 dias a mamãe já pode começar uma atividade física de leve a moderada.
“Baseado nesse desejo, criei um treinamento especialmente para mulheres no período pós-parto. Quando pensamos em emagrecimento e redução da barriguinha logo pensamos em exercícios para o abdômen, mas esquecemos das mudanças fisiológicas causadas pela gestação, como a diástase abdominal, uma separação entre certos músculos abdominais que, se não for tratada, pode provocar dores nas costas e nas pernas”, explica o fisiologista e personal trainer do Espaço Good Vibe Jardins, Dr. Paulo Gelatti.
Todos os movimentos do corpo se originam pela região do Core, o centro de gravidade do corpo, que muda de posição durante a gestação e isso altera toda a biomecânica do corpo. Depois da gravidez, esse centro de gravidade deve voltar ao normal e isso deve ser a primeira coisa a ser feita em um programa pós-gestação. É o que vai fortalecer o corpo da mamãe, principalmente para aguentar carregar seu pequeno no colo.
Para fortalecer o Core e realinhar esses músculos é preciso, então, fazer abdominal? A resposta é não. Primeiro é preciso esclarecer uma questão simples: um abdômen não aparece por baixo da gordura, portanto, é necessário trocar gordura por músculo e isso não é feito com exercícios localizados, mas com gasto calórico. Existe, porém, um fator importante para o seu bebê que impede isso, o lactato, um produto resultante de uma reação do metabolismo ao exercício em excesso e que muda o gosto do leite materno. E, sabe-se, se o bebê recusa o aleitamento, isso prejudica a amamentação e empedra o leite. Mas há uma solução pra tudo isso.
Vamos usar o primeiro movimento humano como nosso aliado, o agachamento. Esse movimento exercita o corpo todo e, por incrível que pareça, o fazemos o dia todo, afinal de contas sentamos e levantamos quando acordamos até irmos dormir. Só não temos os benefícios de emagrecimento, pois já temos nosso gasto calórico basal e engrama neural (traço de memória), ou seja, é como se nosso cérebro e nosso corpo já estivessem acostumados ao agachamento, tornando-o uma atividade autônoma com gasto calórico do metabolismo basal. O que falta é sistematizar esse movimento em um treinamento para emagrecermos e gastarmos caloria.
Para isso, pegue duas garrafas de água de 1,5 litro e mãos a obra! Faremos seis repetições de agachamento composto com membros superiores. Primeiro fique de pé na frente do sofá segurando em cada mão uma garrafa; em seguida inspire puxando o ar pelo nariz e sente no sofá; depois levante fazendo rosca direta (movimento de contração dos bíceps) com as garrafas; quando os braços estiverem a noventa graus, os joelhos estendidos e você estiver de pé, levante os braços acima da cabeça. Faça esse último movimento seis vezes no primeiro dia. No segundo dia, faça a mesma coisa, apenas aumentando para duas séries de seis vezes. Durante a semana, exercite-se todos os dias para aprender o movimento e ganhar performance, e sem intervalo, já que estudos recentes observaram que o treino ininterrupto queima mais calorias. O máximo que você pode chegar é a 10 séries de seis repetições, ao final das quatro semanas.
É muito bom esse movimento para ajudar nos cuidados com seu filho, deixando você mais disposta e forte. Esse treinamento é funcional e é muito importante ser feito com qualidade, não se preocupando com a quantidade, pois, se você tiver um corpo equilibrado e forte, conseguirá emagrecer de forma segura e eficaz.
Good vibe para as mamães!

Fonte- Dr. Paulo Gelatti, Especialista em emagrecimento e Fisiologista do exercício, o Personal Trainer Paulo Gelatti é graduado em educação física, com especializações em treinamento funcional e movimento humano. - Fez suas duas especializações nos Estados Unidos e no Canadá. E da América do Norte trouxe ao Brasil o Good Vibe uma academia de ginástica do futuro, uma série de procedimentos específicos para o emagrecimento com alta tecnologia.
Site- http://goodvibejardins.com.br/

Redes Sociais

Contato

  • 11 5031-4807
  • contato@materlife.com.br
  • Central de Atendimento
  • Segunda à Sexta-feira das 9hs às 18hs