“A Urticária Infantil é semelhante a Urticária que atinge os adultos, a diferença é que em adultos ela aparece geralmente na região genital, o que chamamos de urticária II. Crianças e bebês desenvolvem o tipo I”, explica o médico dermatologista Fernando Passos de Freitas.
Quando aparece nas crianças, elas perdem o apetite já que as feridas incomodam muito devido as inflamações. Com o passar dos dias, a feridas soltam um líquido opalino que formam uma crosta assim que secam.
O vírus da urticária é o mesmo da Varicela. “Ele é conhecido como Zoster e se aloja nas células dos gânglios nervosos inflamando a região”, explica o médico ressaltando que ela pode reaparecer diante de baixa imunidade, febre, exposição ao sol e menstruação, nos caso de pré-adolescentes.
Como tratar?
Buscar um médico dermatologista de sua confiança é o primeiro passo. O tratamento se baseia em minimizar a fase mais aguda da doença (na primeira semana), onde a inflamação mais incomoda. Isso é feito através de xaropes ou comprimidos. Segundo o Dr. Fernando o que não se pode fazer é ignorar o problema, deixando lacunas para que ele reapareça. Antibióticos só são utilizados em casos de extrema complicação.

Fonte- Dermatologista Fernando Passos de Freitas
Site- www.drfernandofreitas.com.br

  • Print
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • Live
  • PDF
  • Twitter